Jockey Club receberá complexo esportivo para conquistar público jovem na Capital

Jockey Club receberá complexo esportivo para conquistar público jovem na Capital Arivaldo Chaves/Agencia RBS

Um clube tradicional de Porto Alegre está apostando suas fichas em uma grande transformação para reconquistar o prestígio de outrora. A área interna da pista do Jockey Club, localizado no Cristal, deve entrar em obras ainda em agosto para receber um complexo esportivo, com oito campos de futebol sete, um campo sintético, área para show e estacionamento para 2 mil carros, em um investimento aproximado de R$ 5 milhões.No início do ano, o Jockey Club fez um acordo com a prefeitura para entregar uma área ao lado da pista, que abrigará um terminal de ônibus. Com isso, a pista será diminuída em 400 metros do seu tamanho total (passando de 2 mil metros para 1,6 mil metros). Um bar temático, com lugar para apostas em corridas que são transmitidas semanalmente de pistas de todo o país também deve movimentar o local. Para o próximo ano, a direção do clube prevê a construção de outras oito quadras.

Além de rentabilizar o espaço, a instalação do complexo esportivo deve despertar o interesse de jovens para as corridas de cavalos, explica o presidente do Jockey, José Vecchio:

— Com o bar temático, queremos que novos visitantes que vierem para utilizar as quadras fiquem mais tempo no clube. Também estamos planejando, para o futuro, instalar quiosques com churrasqueiras, para que os atletas passem o dia no convívio com o ambiente das corridas.

Pista deve ficar pronta até dezembro

A ideia de diversificar o público visitante do Jockey soma-se à boa experiência que tem sido vivida desde março, quando a boate Kiss & Fly se instalou no clube. Desde então, traz por volta de 700 pessoas todos os finais de semana ao espaço.

— Com ações como essa já conseguimos cessar o déficit mensal do clube (que chegava a R$ 160 mil mensais) e estamos conseguindo diminuir o passivo do clube, colocando todas as contas em dia — conta, otimista, o presidente do Jockey, José Vecchio.

O acordo com um investidor já foi fechado, e o contrato, assinado. Faltam, agora, ajustes no projeto e as respectivas licenças para dar início às reformas. Se tudo ocorrer como o previsto, o clube deve inaugurar o complexo até novembro. O acordo feito com a empresa investidora é que o Jockey terá participação nos lucros dos aluguéis dos espaços, uma espécie de arrendamento.

Ainda não há data definida para a reforma da pista, realizada por engenheiros uruguaios especialistas em hipódromos. A expectativa, no entanto, é que a pista reformada esteja pronta para uso até o final do ano. Somente na pista serão investidos R$ 4 milhões.

Fonte: Zero Hora

Anúncios

Sobre Jac Sanchotene

Trabalhadora da Cultura, formação em Ciências Políticas e Econômica, Mãe da Greta, coordenadora do Movimento Viva Gasômetro.

Publicado em agosto 7, 2012, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: